Afissore promove ciclo de palestras para capacitar fissurados para o mercado de trabalho

Créditos: Divulgação

Com a proposta de iniciar um movimento de qualificação de portadores de fissura labiopalatina e para o mercado de trabalho, a Afissore - Associação dos Fissurados Lábio Palatais de Sorocaba promove de 10 a 13 de dezembro o projeto Potencializando o Ser Humano - Afissore. A ação, que será realizada na sede da entidade, é gratuita e visa promover a melhoria de qualidade de vida de fissurados e seus familiares, além de prepará-los para o mercado de trabalho.

De acordo com Alessandro Scapol, coordenador do projeto, a fissura labiopalatina (FLP) é uma das malformações congênitas mais comuns e com alta incidência no Brasil. "O trabalho da Afissore já mudou a perspectiva de vida de muitas pessoas, pois conta com uma equipe interdisciplinar nas áreas de Odontologia, Psicologia, Fonoaudiologia, Otorrinolaringologia, e Serviço Social a fim de reabilitar as pessoas de forma global, considerando aspectos estético-funcionais e psicossociais.", explica.

Segundo Scapol, o indivíduo fissurado tem maior possibilidade de fracasso e abandono escolar, fato que pode gerar, na vida adulta, dificuldade de inserção no mercado de trabalho. "Por apresentarem a fala nasalizada e, às vezes, de difícil compreensão essas pessoas podem ser julgadas erroneamente como sendo menos capazes e podem ter mais dificuldade de inserção no mercado", observa.

Um estudo recente realizado pelo Hospital de Reabilitação de Anomalias Craniofaciais (HRAC/Centrinho) da USP com 65 pacientes fissurados adolescentes constatou que 40% deles não haviam concluído o primeiro grau e 14% estavam em atraso no ensino formal, sendo o principal motivo o preconceito por parte dos colegas (67,8%), além das dificuldades do tratamento (16,1%), de falar (11,3%) e de ouvir por causa das otites (3,2%).

"Além dessas dificuldades, o Brasil vem passando por uma crise econômica que elevou a taxa de desemprego para 13% e esta realidade também afeta as famílias atendidas pela Afissore, familiares estes que têm maior dificuldade de entrar no mercado de trabalho, pois passam boa parte do tempo cuidando de seus entes queridos. Em consequência disso, estima-se que existam aproximadamente 500 pessoas desempregadas ou trabalhando em serviços precários entre nossos atendidos e seus familiares", alerta Scapol. Diante desta realidade e de em uma sociedade que supervaloriza a estética, a tarefa de conseguir um emprego parece bastante complexa para uma pessoa com fissura labiopalatina.

Programação

O projeto Potencializando o Ser Humano - Afissore contará com palestras e oficinas práticas com especialistas das áreas social, de cidadania e mercado de trabalho, para auxiliar fissurados e seus familiares a se inserirem no mercado do trabalho, além de sensibilizar a comunidade, empresários e empregadores em geral a darem uma oportunidade aos fissurados e seus familiares. Confira a programação:

Dia 10/12 - das 8h às 14h

Tema: Palestra Fortalecimento da Autoestima e Planejamento Pessoal.

Palestrante: Silvia Reze

Dia 11/12 - das 8h às 14h

Tema: Palestra Panorama do Mercado De Trabalho Atual: Conhecimentos, Habilidades e Atitudes Necessárias num Mercado altamente competitivo.

Palestrante: Alessandro Scapol

Dia 12/12 - das 8h às 14h

Tema: Oficina de currículo e preparação para entrevistas: Como redigir um currículo eficiente e como se comportar no processo seletivo, cada vez mais exigente.

Palestrante: Mary Siqueira

Dia 13/12 - das 8h às 14h

Tema: Palestra/oficina Cuidando de Quem Cuida - Fortalecer o vínculo entre familiares e fissurados, além de fornecer ferramentas para que a família esteja preparada para encorajar e acolher o fissurado e a si mesmos.

Palestrante: Alessandra Nanias de Aro Gomes.

Além das palestras, o projeto contará com plantões para tirar dúvida e painéis com apresentação das atividades associação e informações para diminuir o preconceito, fortalecer o vínculo entre a entidade, seus pacientes e a comunidade. Para isso, a Afissore, que atende mais de 380 pessoas entre 15 e 65 anos, apresentará ainda resultados obtidos nos últimos 29 anos através de depoimentos de atendidos, familiares e equipes de trabalho. O evento acontece na sede da Afissore, que fica na Rua Lygia Fante, 128, Alto da Boa Vista, Sorocaba/SP. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo do e-mail afissore@afissore.org.br. Outras informações pelo telefone (15) 3211-3697.

Sobre a AFISSORE

A Associação dos Fissurados Lábio Palatais de Sorocaba (AFISSORE) foi fundada em de 1977, quando Eneida Fernandes Moreno, mãe de uma criança com fissura labiopalatina que levava seu filho a Bauru para fazer os tratamentos no Hospital de Reabilitação de Anomalias Craniofaciais (HRAC) foi convidada a coordenar os outros pacientes de Sorocaba. Como as dificuldades eram grandes, o grupo resolveu fundar a AFISSORE no dia 17 de setembro de 1989.

Hoje, a Associação é uma entidade de utilidade pública municipal, estadual e federal e realiza cerca de 400 atendimentos por mês aos fissurados e seus familiares nas áreas de fonoaudiologia, psicologia, odontologia e serviço social.