Kaname e Azulão: A infância e a história do criador e da criatura

Créditos:

Victor Hugo Cavalcante: Primeiramente é sempre uma honra te entrevistar, e gostaria de começar perguntando: Estamos no mês de Outubro, conhecido como o mês das crianças, então a pergunta é: Quais os autores e histórias em quadrinhos que você mais curtia durante sua infância? Por quê?

Hélio Kaname: O mais engraçado dessa questão é que, quando criança, eu não lia HQs, nem da Turma da Mônica, em Adolfo onde eu morava, não tinha banca e nem HQs nas escolas, eu fui ter um contato mais próximo com as HQs no começo da minha adolescência.

Mas fando de infância, o que me influenciou muito nessa época foi a TV Manchete e sua programação cheia de Tokusatsu e Animes.

Recentemente na página do Azulão CM tu começou a lançar a história de vida e surgimento da amizade entre o nosso "malvado" favorito e a Cat, quando tu começou a ter ideia de rascunhar o começo da relação do CM com a Cat?

E falando de Azulão e qualquer uma das minhas histórias, esses flashbacks e coisas do tipo meio que sempre estão lá escritos esperando o momento certo, que é quando dá tempo (Risos), para saírem do papel. No caso dessa história de como o Azulão e a Cat se conheceram, ela já havia sido começada no ano passado, e eu a terminei a alguns meses. Depois de um tempo que ela estava pronta eu achei que fosse o momento de apresentar isso.

O próximo passo dessa relação é revelar como foi o treinamento dela com o Azulão.

Além da história da amizade com a Cat, e de como ela surgiu, você pretende criar a história do surgimento do CM, ou se já criou, digitalizar esta história pra página oficial do CM?

Essa história até já existe, o Azulão começou com essa história que eu vendia nos eventos de anime onde eu ia, ela teve três edições (as três juntas venderam mais de mil cópias) Infelizmente eu não pude terminar (faltava só mais uma parte) por questões financeiras e pelo fato das revistas estarem vendendo menos infelizmente. Mas isso não me impediu de parar com o projeto.

Do que você gostava de desenhar quando criança? Pensava em virar um quadrinista algum dia?

Quando a gente é criança a gente não entende muito como as coisas funcionam, eu comecei a desenhar com Cavaleiros do Zodíaco (da primeira vez que passou aqui, sim sou velho!!!) Eu tive a fase que queria ser desenhista, depois mangaká, hoje eu não me prendo muito a definições, eu apenas quero criar as minhas histórias.

O CM tem um pouco do herói de mangá também, quais eram e quais são os seus mangás preferidos de sua infância e de hoje? Qual foi o seu primeiro mangá lido?

Embora o meu traço atual não lembre tanto mangá como antigamente, eu ainda adoro usar muitos dos recursos dos mangás em minhas tiras, na infância meus animes preferidos eram Street Figther Victory, Cavaleiros do Zodíaco e Yu Yu Hakushô, logo esses também foram os meus primeiros mangás lidos (pois quando a febre do mangá chegou aqui, os primeiros lançamentos eram equivalentes a animes que já haviam feito muito sucesso)

Além da Cat existem vários outros personagens "fixos" na vida do azulão mais temido de todos. Afinal, como é fazer estes personagens, e qual além do CM que tu mais curte? Por quê? A Cat é baseada em uma amiga sua, existe outros personagens baseados em suas relações afetivas? Quais?

A Cat é sim baseada em uma amiga minha, a criamos juntos, mas a identidade dela é secreta, ela é a única personagem baseada em algum amigo ou pessoa próxima de mim, os outros tem suas inspirações de outras coisas, a Diabinha ( Namorada do Azulão) é uma personagem fruto de uma parceria que era boa para ambos os lados, a personagem é da Priscila Ramos.

Mas dos outros personagens, o meu preferido (nunca me perguntaram isso) mesmo aparecendo pouco, é o Nick (Red Nerd) o Herói da história, ele é baseado em Tokusatsu que eu amo, e era um personagem de uma outra história que fiz no passado, muitas amigas me ajudaram na criação dele, por isso é um personagem que gosto muito, mas quem manda na página é o Azulão.

Quais são as diferenças e igualdades que você enxerga entre o azulão e você? Por quê?

Essa é uma pergunta difícil de responder, mas eu diria que a diferença são os nossos valores, eu tenho alguns, e ele não tem nenhum.